O Procurador-Geral de Justiça do Ministério Público de Sergipe (MPE), promotor de Justiça José Rony Silva Almeida, foi recebido nesta segunda-feira, 7, pelo presidente da Assembleia Legislativa de Sergipe, deputado estadual Luciano Bispo. O encontro serviu para discutir projetos encaminhados pelo MPE para serem analisados pela Casa. “Vim conversar com o presidente, que é sempre rápido com as coisas do Ministério Público. A classe espera muito essa aprovação”, observou.
Entre os projetos encaminhados está o que transforma a promotoria de Justiça em promotoria criminal em Estância, que permitirá mais agilidade em julgar processos e combater o crime. Segundo Rony, as relações entre o Ministério Público e a Assembleia sempre foram de harmonia e independência e os projetos que têm aspectos legais e constitucionais precisam ser discutidos, destacou o procurador.
Reeleição
Com 95,4% do votos, José Rony Silva Almeida foi reeleito para o cargo de Procurador-Geral de Justiça do MPE. A eleição para escolher o novo Procurador-Geral de Justiça para o biênio 2016/2018 foi conduzida por uma Comissão Eleitoral designada através da Resolução nº 07/2016 – CPJ. 133 membros compareceram à votação. Foram 127 votos dados a Rony, cinco brancos e um voto nulo.
Rony é graduado pela Universidade Federal de Sergipe e ingressou no Ministério Público de Sergipe em 1992. Iniciou sua carreira de Promotor de Justiça no município de Porto da Folha, depois atuou nas Promotorias de Justiça de Cristinápolis, Maruim e Estância. Além disso, foi Promotor de Justiça do Tribunal do Júri e dos Direitos à Saúde em Aracaju. Foi Presidente da Associação Sergipana do Ministério Público – ASMP por quatro anos, Secretário-Geral do MPSE, também por quatro anos, e atualmente é Presidente do Grupo Nacional dos Direitos Humanos – GNDH.

 

Texto e Foto: Agência Alese de Notícias