Warning: Declaration of tie_mega_menu_walker::start_el(&$output, $item, $depth, $args) should be compatible with Walker_Nav_Menu::start_el(&$output, $item, $depth = 0, $args = Array, $id = 0) in /home/pmdbse/www/wp-content/themes/formulando/functions/theme-functions.php on line 1942
Vereador Fábio Rabelo (PMDB – SIMÃO DIAS) | PMDB-SE
Capa » Entrevista » Vereador Fábio Rabelo (PMDB – SIMÃO DIAS)

Vereador Fábio Rabelo (PMDB – SIMÃO DIAS)

Fábio e Rosilda Rabelo.

Fábio e Rosilda Rabelo

Ele tem 37 anos e nasceu no povoado Lagoa Grande em Simão Dias.

Inspirado por sua mãe, Rosilda Rabelo, que desenvolve há muito tempo um trabalho na Associação Comunitária do Povoado Lagoa Grande, Fábio Rabelo começou cedo na política.

Hoje, exerce o seu primeiro mandato como Vereador. Mas Fábio é muito mais do que um vereador de uma cidade do interior.

Educador nato, apaixonado por cultura, é professor efetivo das redes municipais de Lagarto (SE) e Paripiranga (BA). Já foi professor tutor da UNIT, assessor da Secretaria Municipal de Educação de Educação e Adjunto de Educação e Cultura de Simão Dias.

Inteligente e cheio de entusiasmo, Fábio faz política com os pés no chão. É um promissor quadro do PMDB.

Nesta entrevista, ele nos retrata um pouco da juventude da sua terra.

PMDB 15: Qual é o grande sonho de um jovem do interior de Sergipe?

Avaliando pela demanda de currículos que recebo e pelo contato com os jovens do meu município, posso dizer que o grande sonho destes resume-se, principalmente, na luta pela conquista de dois objetivos: emprego e casa própria. Aí, entende-se claramente que muitos deles não esperam ganhar sua casa, apesar de quererem isso, mas entende-se que todos sabem que o segundo desejo será consequência do primeiro. Portanto, acredito que estes dois estejam atrelados, com a mesma importância para os jovens sergipanos.

PMDB 15: Que tipo de impacto ou influência a realização dos protestos e manifestações que ocorreram em todo o país teve na ideias e atitudes dos jovens da sua região?

Na minha opinião, praticamente nenhuma mudança ocorreu no comportamento e mentalidade dos jovens simãodienses. Alguns estudantes até se manifestaram seguindo o exemplo. E seguindo o exemplo, mais nada aconteceu. Na verdade, as manifestações demonstraram muita coisa, inclusive o poder que a sociedade tem. Mas como já diz a crítica (algumas), foi na verdade um movimento um tanto “solto”. De repente aconteceu e de repente acabou. Independente dos movimentos ocorridos, os jovens continuam acreditando na conquista pelo estudo, pela condução justa dos governos etc. Ainda é o que todos esperam que aconteça, até porque esta deve ser a ordem natural. Mas uma coisa não se pode negar, todos estão mais atentos. Apesar de não haver muitas atitudes concretas, todos sabem que podem reagir.

PMDB 15: Como é que ele vêm os partidos políticos, os políticos e as práticas políticas de modo geral?

Infelizmente, como para a maioria dos jovens de qualquer lugar do país, a classe política está desacreditada. Os jovens, em sua maioria, não acreditam nem na política,

nem nos políticos. Ainda, com dificuldades, é possível encontrar pequenos grupos ou pessoas interessadas pela política. A visão sobre partidos é restrita; não há o interesse em filiações, participação e militância. Mas também há interesse, só que diante da grande massa que não se interessa o grupo que aceita à participação efetiva torna-se muito pequeno, fato este que não desvaloriza tal participação, claro. Porém, é importante ressaltar que mesmo com esta visão negativa sobre os políticos e a política também são visíveis manifestações que demonstram atenção a atividade política e reconhecimento quando esta atividade é, ao menos, o mínimo que se espera.

PMDB 15: Então, ainda há um fio de esperança?

Claro que sim. Não somente “um fio”; há esperança. É certo que falta espaço, abertura e a quebra de certos paradigmas, mas não falta a vivacidade e a observação crítica que, sem dúvida, levará à reações positivas no futuro.

PMDB 15: Como o senhor avalia o trabalho do governador Jackson Barreto?

Positivamente. É muita clara a disposição dele para o trabalho, muito mais perceptíveis as ações do Governo. As pessoas veem essa diferença; veem que o governador é ágil na resolução dos problemas. O Governo alavancou com intensidade e com isso percebe-se facilmente os avanços. Mas é preciso estar atento, pois, como falei, de maneira geral, o descrédito da classe política é muito alto. É fato que as ações intensificadas do governo parecem estar mudando favoravelmente o quadro para Jackson, contribuindo para que o mesmo ganhe mais credibilidade. No entanto, é necessário um trabalho intenso, que o torne mais conhecido o seu estilo de trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

*