Capa » Ação 15 » Governador assina ordem de serviço para reformas essenciais em 70 escolas estaduais

Governador assina ordem de serviço para reformas essenciais em 70 escolas estaduais

Colégio 8 de Julho Foto Maria Odília 200516 (1)

 

O Governo de Sergipe assinará nesta quinta-feira, 4, no auditório do Banese, em Aracaju, a ordem de serviço para a reforma de pequena monta de 70 escolas estaduais.

 

As obras estão orçadas em mais de R$ 3 milhões, irão começar imediatamente e serão essenciais para as unidades escolares como um todo, a exemplo da reestruturação e revisão de coberturas e instalações hidrossanitárias e elétricas, recuperação de muros e revestimentos de piso e parede, além da manutenção preventiva e corretiva de algumas delas.

 

A partir da contratação das cinco empresas vencedoras de um processo licitatório realizado pela Companhia Estadual de Habitação e Obras Públicas (Cehop), o Governo de Sergipe amplia o leque de escolas que passam ou passaram por intervenções, recuperações e ampliações, chegando ao total das 355 unidades escolares da rede estadual de ensino atendidas com a execução de obras de pequena monta.

 

Para o secretário de Estado da Educação, Jorge Carvalho, os vultosos recursos aplicados pelo Governo Jackson Barreto na infraestrutura da rede estadual de ensino reafirmam o compromisso em oferecer uma educação pública de qualidade a todos os sergipanos.

 

“Mesmo com dificuldades financeiras, o Governo de Sergipe, por meio da Seed, continua investindo consideravelmente na educação pública estadual. Com esta licitação, representa uma significativa economia de quase 915 mil reais para os cofres do Tesouro Estadual”, ressalta Carvalho.

 

Segundo o engenheiro civil e diretor do Departamento de Engenharia da Seed, Carlos Melo, os serviços que deverão ser feitos, por exemplo, na parte elétrica das escolas, servirão para reforçar a rede de informática e o sistema de refrigeração das unidades de ensino, ou seja, são serviços essenciais para a coletividade da escola, e que deverão servir de base para a modernização e reestruturação da rede pública.

 

Melo disse ainda que a medida visa, sobretudo, suprir as demandas mais urgentes das unidades escolares estaduais.

 

“Será a redenção, pois irá atender diretamente às reivindicações imediatas dos gestores escolares da capital, do interior e também dos estudantes”, ressalta o diretor.

 

 Acessibilidade

Outra preocupação da Seed na elaboração dos projetos de construção civil de pequena monta foi a acessibilidade das unidades de ensino da rede. As escolas que ainda não atendem plenamente às normas técnicas serão adequadas com a execução dessas obras.

 

“Os serviços contratados levam em conta também as determinações da Justiça Eleitoral para os 254 prédios escolares que serão locais de votação nas eleições municipais deste ano, os quais devem estar dentro das normas de acessibilidade”, enfatiza Valdir Pinto, engenheiro.

 

Investimentos da ordem de 13 milhões

O Governo de Sergipe, por meio da Secretaria de Estado da Educação, tem aplicado nos últimos anos uma quantia significativa de recursos financeiros para reestruturar a rede estadual de ensino, já tendo reformado e ampliado em torno de 40% das unidades escolares.

 

“Apenas de janeiro a junho de 2016, a gestão Jackson Barreto já inaugurou a reforma de oito unidades de ensino, em várias regiões do Estado, e entregou à população sergipana cinco novas quadras poliesportivas em escolas estaduais”, afirma Jorge Carvalho.

 

Nos últimos meses e nos próximos dias, mais unidades escolares serão entregues à comunidade sergipana totalmente reformadas e ampliadas, a exemplo da Escola Estadual 8 de Julho, da Escola Especial João Cardoso do N. Júnior, da Escola Estadual Professora Ofenísia Soares Freire, em Aracaju; da Escola Estadual Armindo Guaraná, em São Cristóvão; do Colégio Leonardo Gomes de Carvalho Leite, em Cristinápolis; Colégio Benedito Barreto do Nascimento, Umbaúba, e Escola Estadual Dionísio Machado, em Indiaroba.

 

Municípios contemplados

Até o final de 2016, cerca de R$ 13 milhões serão investidos em escolas da rede estadual. Nesse primeiro montante, os R$ 3 milhões investidos em três meses de obras, que irão começar de imediato, beneficiarão 70 escolas em 32 municípios sergipanos.

 

Ou seja, ao final do mandato, o governador Jackson Barreto terá contemplado com reformas, modernização e ampliações todas as escolas da rede de ensino de Sergipe.

 

Vejamos:

DEA – Aracaju

 

DRE 1 – Indiaroba, Estância, Itabaianinha, Tomar do Geru, Umbaúba

 

DRE 2 – Boquim, Riachão dos Dantas, Lagarto, Tobias Barreto, Poço Verde

 

DRE 3 – Itabaiana, Malhador, São Miguel do Aleixo, Ribeirópolis

 

DRE 4 – Capela

 

DRE 5 – Divina Pastora

 

DRE 6 – Japoatã, Neópolis, Santana do São Francisco, Propriá, Ilha das Flores, Cedro de São João, Malhada dos Bois, São Francisco

 

DRE 8 – Nossa Senhora do Socorro, Santo Amaro das Brotas, Riachuelo, Itaporanga D’Ajuda, São Cristóvão

 

DRE 9 – Nossa Senhora da Glória, Feira Nova

 

Ficha Técnica

O que? Assinatura da ordem de serviço para reformas essenciais de escolas da rede estadual

 

Quando? 04 de agosto de 2016, às 10h

 

Onde? Auditório do Banese – Av. Augusto Maynard, 321, São José

 

Por que? Muitas escolas da rede estadual não podiam ser modernizadas com equipamentos novos e tecnologia por conta da parte elétrica antiga, além de necessitarem de manutenção preventiva e emergencial.

 

Investimento: R$ 12 milhões

 

Municípios: 32 municípios


Colégio Hermínia Caldas foto Maria Odília 010816 (2)

 

Colégio 8 de Julho Foto Maria Odília 200516 (3)

 

Assessoria de Comunicação da SEED – ASCOM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


*