Capa » Ação 15 » Fábio Reis sabatina representantes de operadoras

Fábio Reis sabatina representantes de operadoras

Fabio-Reis-comissao-8_finalEm audiência pública realizada na tarde desta quarta-feira (23), o deputado federal Fábio Reis (PMDB-SE) questionou os representantes das operadoras Oi, Tim, Vivo, Claro e Nextel, sobre os serviços prestados em Sergipe. De acordo com o parlamentar, a situação está caótica, entrando em colapso, e é preciso tomar providências o mais rápido possível.

“Expresso a minha indignação, não só como deputado, mas também como usuário, da situação em que se encontra o serviço de telefonia móvel no meu Estado de Sergipe”, afirmou. “Por que milhares de linhas são habilitadas diariamente sem que haja uma melhora no serviço ofertado?”, questionou.

A Vivo, majoritária no Estado, com quase 70% dos clientes, informou que Sergipe possui muitas leis restritivas, o que impede a instalação de novas antenas. Segundo o diretor de relações institucionais da Vivo, Enylson Camolesi, a empresa protocolou um pedido de instalação de 18 novas antenas, mas não consegue aprovação na prefeitura. “Queremos melhorar a qualidade do serviço prestado, assim como ampliá-lo, mas esbarramos na legislação e isso nos causou dificuldades”, disse.

Fábio garantiu que fará o possível para conseguir as autorizações necessárias e se colocou à disposição de todas as operadoras para que melhorem o serviço prestado no Estado. Mas o parlamentar não se deixou convencer com esta argumentação. “Que cessem então a venda de linhas, até que a situação seja controlada”, reiterou.

Pela manhã, o deputado recebeu a visita do representante da Tim, André Gustavo Rosa, em seu gabinete. A empresa é a quarta na escolha dos sergipanos. Ele ouviu o parlamentar e garantiu que a empresa investirá mais no Estado. Fábio pediu urgência nas medidas. “A população não se satisfaz com palavras, mas sim ações, ainda mais quando são rápidas”, concluiu.

da Assessoria de Imprensa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


*