Capa » Ação 15 » Edise, em parceria com a Cepe, lança o “Dicionário do Nordeste”

Edise, em parceria com a Cepe, lança o “Dicionário do Nordeste”

jorge carvalho“O livro é um importante documento de registro cultural da nossa região. A contribuição que Fred Navarro nos oferece é singular, impar, que vem somar a estudos de outros autores brasileiros, nordestinos, particularmente, que se preocupam em fazer a iconografia, registro, análise da nossa cultura” – disse,  segunda-feira 16, na Academia Sergipana de Letras, o presidente da Segrase, Jorge Carvalho do Nascimento, ao discursar  durante o lançamento do “Dicionário do Nordeste”, do jornalista Fred Navarro.  

Fred Navarro, jornalista e escritor pernambucano, contou que o livro é fruto de 21 anos de pesquisa. “A idéia surgiu quando me mudei do Recife para São Paulo e percebi que os paulistas não me entendiam direito. Falava que minha coluna estava tronxa e eles riam. Notei então que cada lugar tem sua própria língua”, afirmou Fred Navarro. A partir desses fato, lembrou, ele começou a anotar as palavras tipicamente nordestinas que encontrava e realizava pesquisas acerca da origem de cada uma delas.

“A riqueza da nossa linguagem é diversificada e faz parte da nossa cultura. Agora, cada um irá se reencontrar nos verbetes do livro”, observou. Assim a terceira edição do dicionário chega ao público contendo a tradução de dez mil verbetes, o dobro da edição anterior. O presidente da Academia Sergipana de Letras,  Anderson Nascimento, destacou o mérito das editoras oficiais em estarem lançando o dicionário. “A Edise e a Cepe devem repetir eventos iguais a esse, importante para o engrandecimento da vida cultural de Sergipe”, apontou.

O diretor técnico da Companhia Editora de Pernambuco – Cepe, Ricardo Melo, ressaltou a importância da parceria entre a editora pernambucana e a Editora Diário Oficial – Edise. “Agradeço o convite do presidente da Segrase, Jorge Carvalho do Nascimento, que une as duas editoras oficiais e assim abre-se o caminho para maior contribuição a cultura do nordeste”, disse.

O Dicionário do Nordeste serve como um guia da região e tem palavras direcionadas a comidas e brincadeiras locais. A primeira versão, publicada em 1998, foi composto por 2.500 palavras do vocabulário nordestino. A segunda edição, de 2004, reuniu o dobro de verbetes. Hoje, a terceira edição chega a dez mil significados explicados, inclusive com morfologia das palavras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


*